Imprimir

Peiex promove oficina de competitividade em vendas

banner peiex oficina vendasFoi realizada, dia 31 de maio, a Oficina de Competitividade sobre Marketing e Vendas para Exportação do PEIEX (Projeto Extensão Industrial Exportadora), que é desenvolvido no município por meio de convênio firmado entre a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) e a Fundação Educacional de Ituverava.

O evento foi no Salão Nobre da FE, e contou com a participação de mais de 30 empresas de diversos segmentos, como calçados, cachaça artesanal, cosméticos, TI, metalúrgica, confecções, alimentos, bebidas, entre outras e dos técnicos extensionistas do projeto.

O objetivo do convênio é permitir que a instituição de ensino atenda regionalmente empresas que exportam e também as que estão interessadas em começar a comercializar seus produtos fora do país, oferecendo capacitação para desenvolverem esse trabalho da maneira mais eficiente possível.
O PEIEX atende 80 empresas de 20 cidades dos Estados de São Paulo e Minas Gerais. Entre os municípios abrangidos estão Ituverava, São Joaquim, Guará, Franca, Cristais, Pedregulho, Guaíra, Patrocínio Paulista.

Dez profissionais – entre professores, profissionais de mercado e estagiários – orientam as empresas em seis áreas: Capital Humano, Administração Estratégica, Vendas e Marketing, Finanças e Custos, Comércio Exterior e Manufatura.

A finalidade é proporcionar melhoria na competitividade e preparar as empresas para atividades de exportação.

Pilares

O convênio tem duração de dois anos, mas pode ser prorrogado caso todas as metas – como número de empresas participantes – sejam alcançadas. “O ensino superior tem três pilares: pesquisa, ensino e extensão. E este é um projeto de extensão, que visa aproximar o meio empresarial da instituição de ensino”, explica o diretor da FFCL, Antônio Luís de Oliveira (“Toca”).
“O encontro foi realizado com sucesso e as empresas participantes receberam importantes orientações, que sem dúvida contribuirão para que melhorem e ampliem o serviço de exportação”, completa Toca.

Fonte: Tribuna de Ituverava

Veja Também

Prev Next